Buscar
  • Herculano

OS NÚMEROS DA COVID DE GASPAR DESAFIAM TESES DOS POLÍTICOS

Atualizado: 22 de abr. de 2021

Faz quase dez dias que o número oficial de 74 mortos, em Gaspar e por Covid-19, estacionou. A evolução foi mínima entre a semana do Natal e esta, quando se esperava resultados piores devidos, exatamente, às compras, aglomerações, visitas, viagens e comemorações de Natal e Ano Novo.


A UTI de Covid do Hospital de Gaspar está praticamente vazia há semanas.


Esta é, em tese, uma boa notícia. Menos para os "especialistas" em me desacreditar e desmoralizar incrustados na saúde pública, na gestão hospitalar, no direito a favor dos poderosos de plantão, e principalmente, os vestidos políticos e gestores públicos.


Eles estão inconformados com os números comparáveis revelados pelo artigo do dia 11 de janeiro (Campanha eleitoral acelerou as mortes por Covid em Gaspar) neste blog. Queriam para agora, parece, coisas piores. E para que? Para desmanchar o artigo e lhes retirar a parcela de culpa que lhes cabe naqueles números.


O artigo do dia 11, continua atual. Infelizmente, os números dele me dão razão (mais um vez). Acorda, Gaspar!